3 Dicas para ser um professor melhor AINDA HOJE

Tempos de férias sempre são para descansar e também para refletir sobre como retornar às aulas de maneira mais tranquila, eficiente e objetiva.

Claro que você deve estar pensando que vai ter que voltar para a sua mesma escola, com os mesmos problemas e os mesmos alunos problemáticos e indisciplinados, mas se alguém pode mudar de postura, a mudança mais fácil e prática deve partir de você.

A relação ensino aprendizagem é algo que lemos muito nos livros e sempre é assunto abordado nas aulas da faculdade de pedagogia e que muitas vezes é difícil de ser colocada em prática por N motivos, mas nem por isso você deve desanimar. Vamos à algumas dicas para você ser um professor melhor.

Dicas para ser um professor melhor

Use a criatividade à seu favor

criatividade

A falta de interesse dos alunos sobre o assunto abordado é uma das maiores causas de notas baixas, desatenção e perda de controle da classe. Usar a criatividade na abordagem dos assuntos da sala de aula despertará o interesse pelo estudo e os resultados serão compensados.

Você pode usar diversos recursos para atrair os alunos de forma criativa:

  • use jogos educativos durante as aulas
  • introduza os assuntos de formas diferentes (vídeos, animações, cartazes, passeios)
  • mude a disposição das mesas e carteiras
  • promova discussões e debates
  • use revistas e jornais na sala de aula
  • troque experiência com seus colegas professores

Planeje bem as suas aulas

planejamento

 

Chegar despreparado para uma aula é a pior coisa para se fazer. Além de ficar evidente para os alunos que você não domina o assunto, irão surgir diversas questões que você não vai saber como responder e também não vai saber como contorná-las.

O planejamento de ensino é algo que você deve fazer antecipadamente, assim que recebe o currículo escolar do ano, semestre ou trimestre, sempre garantindo que terá tempo hábil para se planejar.

A nossa dica é aproveitar seu tempo livre para fazer um bom curso de planejamento de ensino, que inicialmente pode te parecer perda de tempo, mas que depois se tornará uma ferramenta fundamental no seu dia-a-dia. Conheça mais sobre o curso aqui.

Entender a Criança e seus Sinais

pscilogia

Um conhecimento básico de psicologia infantil pode ser a melhor ferramenta para se tornar um professor melhor. A correta compreensão da criança e saber como ela interpreta o mundo a sua volta pode ser a peça chave que falta à muitos educadores e também para você para garantir seu sucesso como professor.

A psicologia infantil é um assunto pouco abordado nos cursos de pedagogia, então pode ser interessante você aprender um pouco mais sobre o assunto através de leituras, participação de fóruns e seminários, além de conversar com profissionais da área.

Uma alternativa que muitas escolas e grupos escolares tem adotado é regularmente promover encontros pedagógicos multidisciplinares, para tratar de assuntos escolares e também a psicologia infantil, convidando profissionais da área para que possam aprender mais e também tirar as suas dúvidas.

Para quem não tem esse recurso disponível, você pode conhecer um curso à distância na internet, que oferece uma introdução à Psicologia Infantil através de quarto unidades com diversos tópicos sobre o assunto. Veja mais aqui.

Conclusão

Ser um professor melhor depende somente de você. Claro que somente as nossas dicas não são suficientes, e seguí-las também não é garantia de sucesso, pois um bom professor não se faz de um dia para o outro.

Devemos nos lembrar também de sempre manter o respeito pelos alunos e demais profissionais que trabalham na escola e sempre ter uma postura otimista em relação ao ensino em nosso país.

E por último, a profissão de professor é uma verdadeira doação, de corpo e alma, se não está preparado para isso, recomendamos que troque de profissão.

Receba atividades exclusivas no seu email por 7 Dias.


Recomendados Para Você:


27 comentários sobre “3 Dicas para ser um professor melhor AINDA HOJE”

  1. Concordo com: “Se não está preparado muda de profissão” Parece até que algumas das frases anteriores a esta, foram pegas das minhas regrinhas de sala. Mas se analisarmos esta frase na íntegra, você fica sem vender seus cursinhos. Pois cerca de 80% dos professores sairiam da sala de aula. Isso no Brasil. Beijos e sucesso com as tuas vendas.

    1. Oi Joelma,

      não entendi sua ironia ou revolta em relação às vendas de produtos no site.
      Disponibilizamos 100% do conteúdo de graça, de forma atualizada e inteligente.

      Quando você abre uma revista ou jornal, ou mesmo vendo a sua novela, as propagandas e incentivos de compra aparecem à todo momento. Se quiser, pode entrar em contato aqui pelo nosso site novamente e disponibilizamos nossa conta bancária para doações, os gastos para manter o site são bem maiores do que você imagina e o ganho com as vendas é convertido para a manutenção do site.

      Quanto à nossa menção direta à mudança de profissão, temos dados empíricos que nos mostram que mesmo com as dificuldades enfrentadas pelos professores, tanto na rede pública ou privada, professores dão aula por amor, e não por dinheiro, sucesso profissional ou qualquer outro mérito.

      Nosso papel como site de apoio/veículo de comunicação, é sempre indicar o melhor para esses professores, que já somam mais de 35000 visitas por mês, mais 35000 seguidores no facebook e mais 3000 assinantes da nossa lista de emails.

      Agradecemos a sua visita e seu comentário.

  2. É desanimador para os que entram na área por agora, ler a frase:”a profissão de professor é uma verdadeira doação, de corpo e alma, se não está preparado para isso, recomendamos que troque de profissão.” Primeiro precisam ter uma bagagem na área para estarem desenvolvendo o trabalho. Discordo da frase que tantos professores trabalham por amor. Sou professora há dez anos e trabalho pelo meu salário. Por amor vou passear com a família. Trabalho na educação estou habilitada para tal. Busco pesquisas e diversificar aulas. Mas não trabalho por amor. Amor eu tenho pela minha família. Pela profissão tenho empenho, disponibilidade, gosto do que faço e procuro tempo para pesquisa. O site é um recurso de pesquisa bacana. Porém discordo da expressão acima. Bom trabalho.

    1. é muito melhor jogar balde de água fria nessas meninas que vão dar aula amanhã do que ficar ouvindo elas reclamarem que mal conseguem fazer o TCC da faculdade sem pedir ajuda pra tia, amiga, vizinha e até fazendo “favorzinhos” pros professores.

      Dar aula não é fácil, por N motivos. Salário é relação de trabalhador-empresa, e isso qualquer empresa dá. Pra ser professor, tem que gostar, e muito. Pq são 40 contra um quando você está na frente da sala de aula e ainda tem que fazer direito. Tem que amar a profissão, caso contrário, é mais díficil ainda.

      Apesar de mal remunerados, com baixo prestígio social e responsabilizados pelo fracasso da educação, grande parte resiste e continua apaixonada pelo seu trabalho. – Paulo Freire

    2. Olha Joelma , não te conheço , mas posso te afirmar, quem não trabalha também por amor, não realiza um bom trabalho!! Logo se vê que tipo de professora é você!!!!!

    3. Sou proofessora e não vejo a frase :”a profissão de professor é uma verdadeira doação, de corpo e alma, se não está preparado para isso, recomendamos que troque de profissão.” como algo desanimaor e sim a forma sincera de falar da profissão hoje.

  3. Acho q a última frase é justamente para provocar, isso é liberdade poética! #amoisso.
    É pra te tirar da zona de conforto. Achei o texto perfeito, deu dicas bem legais e fazer ou não o que ele sugere é sua opção, inclusive a de largar a sua profissão como professor.

  4. Concordo plenamente com o teor do texto! Parabéns…. Quando supervisora ao receber estagiárias para o ofício, eu tinha antes com elas uma anamnese onde eu lia um bêábá daqueles acerca da profissão…. Ou se é professor ou não é! O aluno está ali para ser atendido e recepcionado por quem realmente ama a profissão. Eu amo o que faço, acho mesmo que eu deveria ganhar muito bem pelo que faço mas, na realidade não é isso que acontece. Porém não me vejo noutro ramo. Parabéns pelo texto mais uma vez.

  5. GOSTEI DA EXPRESSÃO: “a profissão de professor é uma verdadeira doação, de corpo e alma, se não está preparado para isso, recomendamos que troque de profissão”. CONCORDO PORQUE NO BRASIL TEMOS CADA TIPO DE PROFESSOR!!!… É MAIS FÁCIL SER professor HOJE DO QUE SER… (HUMMMM)

  6. Gostei das dicas, eu falo por mim enquanto professora de Educação Infantil que amo esta profissão, já tive várias outras profissões, porém me encontrei como professora de bebês e falo de coração que mesmo com muitas dificuldades na escola municipal que trabalho, sou uma apaixonada pela educação.

  7. Sou professora a 25 anos de sala de aula, apaixonada pela a educação infantil ser professor é mesmo uma doação de corpo e alma. Faço com amor e não por amor, me sinto realizada pelo o carinho que recebo dos meus alunos não me vejo em outra profissão. Gostei muito do que li no blog parabèns.

  8. Matéria fantástica. Você falou tudo! Esperei 4 anos depois de formada pra me tornar professora. Estou começando agora em uma creche municipal e eu amo o q faço tem q doar mesmo o corpo a alma é muito bom estar em uma profissão q tanto se almejou. Amo educar!!!
    Continua postando essas dicas maravilhosas no seu blog, eu acompanho sempre!

  9. Excelente matéria!
    Ao longo de quase 50 anos de magistério, não trabalhei com crianças dos três aos 5 anos….
    Não calcula como têm sido uma verdadeira providencia o seu site…
    Ser professora para mim é simplesmente apaixonante.
    Alzira (Angola)

  10. Nossa! amei a matéria,sem amor a profissão não dar!!!!
    Estamos trabalhando com gente,ou seja com crianças,apesar dos obstáculos vale apena ver o sorriso delas.

  11. Bom dia gente amiga…gosto muito de seus assuntos aqui postados, sou professora, fiz magistério, sou formada na escola normal, mas exerço a função de “auxiliar pedagógico” na educação infantil, funcionária municipal, mas gosto de saber e auxiliar melhor minhas colegas, por isso meu interesse em saber mais para complementar o meu trabalho.
    Agradeço sua amável atenção.
    Marliza

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.