Móveis para Escola Infantil – Dicas básicas antes de comprar

O final do ano letivo e o período de férias são utilizados por muitas escolas para reformar ou renovar suas salas de aula, já que sem a presença das crianças, é muito mais fácil pintar paredes, fazer reparos e também trocar os móveis da sala de aula e também dos outros ambientes escolares. Veja dicas antes de sair comprando os móveis para sua escola.

Mobiliário para Salas de Aula

Combinação de cores perfeita
Combinação de cores perfeita

As salas de aula são um dos principais locais que merecem cuidado especial na escolha dos móveis: cadeiras, mesas, prateleiras e armários – pois são os locais onde se passa maior parte dos dias letivos.

E também são os locais responsáveis pelo maior consumo do orçamento de uma reforma ou troca de móveis, pois as escolas têm diversas salas, e normalmente elas são equipadas com mesas e cadeiras todas iguais, ou seja, trocando em uma delas, você vai ter que trocar em todas as outras.

Antes de comprar os móveis escolares para sua escola, tenha em mente algumas coisas básicas:

  • tempo de entrega – todo mundo quer trocar os equipamentos escolares durante as férias, então confirme as datas com seu fornecedor
  • preço – claro que pagar barato sempre é bom, mas lembre-se que qualidade é importante e que acidentes decorrentes à uma cadeira que se quebre e machuque uma criança são de sua responsabilidade.
  • adequação – dois aspectos são necessários, adequação do móvel ao tamanho dos alunos e também em relação ao espaço. Imagine comprar um lote de lousas escolares novinhas e depois descobrir que nenhuma parede da sala comporta a instalação? Ou ainda, mesas escolares grandes de mais para seus alunos pequeninos? Faça medidas das salas de aula detalhadamente e também, se possível, leve algumas crianças para testar as mesas e cadeiras ou peça ao fornecedor que traga os modelos para que sejam testados com as crianças.

Em escolas de educação infantil é muito tentador escolher cadeiras e mesas todas coloridas, que deixam o ambiente muito colorido e também muito alegres para as crianças, mas tente equilibrar as cores para não ficar colorido de mais ou cansativo de mais para os olhos. Lembre-se que a sala de aula também é um espaço que exige também um mínimo nível de concentração. Os modelos de mesas para seis crianças (hexagonal) são muito adotados e essa tem sido uma troca realizada por diversas escolas.

Com o crescimento das crianças, os móveis escolares passam a ser mais padronizados e menos coloridos. As mesas e carteiras podem ou não ser posicionados da maneira tradicional, voltada para a lousa e assim costuma ser até os níveis de ensino superior.

Veja dicas para decoração da sala de aula

Biblioteca

ideias-biblioteca-001

Já mostramos inúmeras fotos de bibliotecas em nosso artigo especial sobre o tema, caso ainda não tenha visto. [Leia aqui]

As bibliotecas também são um espaço que merece um bom toque especial na reforma e troca dos móveis, pois infelizmente, os livros e a leitura tem sido cada vez mais abandonados pelas crianças, já que a cultura está cada dia mais voltada para os computadores, tablets e celulares.

A biblioteca não precisa ser um espaço bege e careta, ela pode ter livros ao alcance das crianças, cadeiras coloridas, espaços com puffs, almofadas e tapetes para as crianças se sentirem confortáveis enquanto praticam a leitura e soltam as suas mentes nas linhas das histórias.

Pátio e áreas comuns

Disponibilizar mesas para a alimentação e também para as crianças sentarem, apesar delas adorarem se sentar no chão, também é importante. Devido ao baixo uso, esses móveis acabam não precisando de troca ou reforma constante, mas qualquer equipamento que demonstrar fraqueza estrutural ou desgaste intenso deve ser trocado ou reparado.

Assim como falamos acima, em caso de acidentes, a responsabilidade pode ser atribuída à escola, se constatado que o móvel escolar estava em más condições ou fora de condições de uso.

Conclusão

Ainda estamos à alguns meses das férias escolares, pelo menos para quem está lendo este artigo fresquinho, então é hora de começar a pesquisar preços e fornecedores de mobiliário escolar.

Lembre-se que além do preço total do produto, você deve incluir frete, então um fornecedor mais caro da sua cidade pode sair mais barato do que outro fornecedor de outra cidade, se somados os custos de transporte.

Pense também a longo prazo, um fornecedor conhecido e confiável não vai sumir de uma hora para outra, vai trocar as peças com defeito e também fornecer novos móveis para substituição com o mesmo modelo e qualidade dos que vendeu anteriormente.

Não existe, pelo menos não encontramos, nada que obrigue as escolas a trocar seu mobiliário escolar a cada 3, 4 ou 5 anos, mas é uma questão de atualização para manter a competitividade com as escolas concorrentes e também a qualidade do ambiente escolar que está em jogo.

Emagreça de 4KG a 5KG por semana com esse detox preferido das celebridades

E agora que você já está pensando se tudo isso vai valer à pena, pense na surpresa das crianças e dos pais quando eles voltarem das férias e receberem tudo novinho em folha? Vai ser um belo estímulo para a volta às aulas, você não acha?


Um comentário sobre “Móveis para Escola Infantil – Dicas básicas antes de comprar”

Os comentários estão fechados.